Elizabete Cristina da Silva se viu desesperada essa semana. Na quarta-feira (28), ela perdeu a carteira que continha todo o dinheiro que havia acabado de sacar para pagar o aluguel e cobrir as despesas dos filhos.

Ela mora em São Francisco do Sul, região Norte do estado. Elizabete foi até São José, na Grande Florianópolis, onde sacou o auxílio-maternidade e só percebeu que a carteira não estava na bolsa quando chegou em casa.

 

“Antes de chegar, eu passei na farmácia para comprar lenços umedecidos. As imagens da câmara mostram que eu coloquei a carteira na bolsa. Porém, ao chegar em casa, percebi que não estava mais com ela”, conta.

Ao se dar conta, ela ligou para o motorista de aplicativo que a levou para retirar o auxilio. Os dois procuraram no carro, mas não encontraram nada.

Segundo Elizabete, a carteira continha documentos, cartões e cerca de R$ 1,1 mil. O dinheiro era pro aluguel e comprar comida para os filhos.

Desesperada, ela compartilhou a situação em um grupo no Facebook pedindo ajuda.

“Eu só digo uma coisa se você está vendo essa mensagem, devolve o meu dinheiro e meus documentos pelo amor de Deus. Era o único dinheiro que ia entrar esse mês pra nós. Eu suplico de coração”, disse.

Veja o apelo completo de Elizabete:

Foto: Reprodução.

Elizabete registrou um boletim de ocorrência sobre a situação e por enquanto tem recebido doações de vizinhos.

Até a manhã desta sexta-feira (30), a carteira ainda não havia sido localizada.