Celebrar aniversário é sempre uma alegria, mas comemorar 90 anos com saúde e junto aos familiares é sensacional. Melhor ainda se tiver surpresa.

Pois na tarde desta quarta-feira (22), a aniversariante Cecília Tietz Kruger, que reside no bairro Vila Nova, em Jaraguá do Sul, foi surpreendida pela equipe do OCP, que fez o registro da festa.

O motivo da participação da reportagem na celebração é singelo, mas significativo. A oma Cecília, como é chamada pelos netos e bisnetos, adora ler o impresso diariamente e por isso o OCP ganhou destaque especial na decoração do aniversário.

O sorriso da oma Cecília ao receber a visita surpresa da equipe do OCP | Foto Eduardo Montecino/OCP News

“Queríamos fazer algo que representasse bem o dia a dia dela. E tem duas coisas que ela sempre faz: pegar a correspondência na caixinha e ler o jornal O Correio do Povo todinho. Por isso fizemos o topo do bolo surpresa para ela”, revela Daiane Berner Ramos, casada com Denis Ramos, neto da aniversariante.

Se antes a oma Cecília se dedicava à horta e às flores, com a idade as limitações foram surgindo e as atividades sendo reduzidas. Por isso o OCP passou a ser um companheiro diário e ela uma leitora tão fiel.

“Gosto muito de ler. Daí todo o dia busco o jornal ali na minha filha, que é assinante, e sento de tarde e leio. Leio o jornal todo e depois eu conto, porque eles não têm tempo de ler às vezes”, destaca a idosa.

 

“Se a gente não tem muito tempo, ela faz um resumo dos principais acontecimentos da cidade. Se tem eventos, ela logo avisa: ‘sábado tem que levar as crianças para vacinar’”, complementa Denis.

Cotidiano da aniversariante ganhou destaque na decoração | Foto Eduardo Montecino/OCP News

De aniversário, a oma diz que pediu o principal: saúde, e que não esperava tantas surpresas. Foi pelo abraço forte e pelo sorriso que ela demonstrou toda a gratidão pela festa organizada com carinho.

“Essa é uma data muito importante para a família. A gente agradece e pede que Deus dê bastante saúde para a oma”, declara Daiane.

Agora, pelas páginas que fazem parte de seu cotidiano, essa história é registrada como forma de agradecimento.

História

Natural de Schroeder, Cecília se estabeleceu em Jaraguá do Sul em 1959, no mesmo local onde vive até hoje. Na época, ela conta que a região do bairro Vila Nova era só “capoeira e mato”. Junto ao marido Achil Kruger, já falecido, construiu a primeira casa do terreno, de madeira.

Com o tempo, adquiriram mais uma parte do terreno e ergueram uma casa de alvenaria maior. A família é composta por uma filha, três netos e três bisnetos. Hoje, ela é a mais velha entre os irmãos, que agora são sete. Seis compareceram à celebração.

Quer receber as notícias no WhatsApp?