A moradora de São Miguel do Oeste, Suelen Wibrantz, de 26 anos, está organizando uma vaquinha para arrecadar fundos para a retirada de linfonodos no seu pâncreas.

Em abril deste ano, Suelen foi diagnosticada com um tumor no intestino. Inicialmente, todo o tratamento foi feito de forma particular, pois teve que fazer às pressas.

Depois de dez aplicações de quimioterapia e 28 sessões de radioterapia, ela poderia fazer a retirada do tumor. Mas ao realizar os exames novamente, foram identificados linfonodos atrás de seu pâncreas que precisam ser retirados e enviados para a biópsia.

Nas redes sociais, Suelen explicou sobre o seu câncer.

 

Por ser um tratamento expensivo, suas amigas a incentivaram a fazer uma vaquinha para conseguir pagar todo o valor, que é de R$ 90 mil.

Suelen vai fazer uma cirurgia chamada laparoscopia, que é um método minimamente invasivo, na qual pequenas incisões são feitas no abdômen para introdução do laparoscópio, equipamento com microcâmera integrada que permite a visualização direta da cavidade peritoneal, e dos outros instrumentos cirúrgicos, como pinças, tesouras e grampeadores.

Ela deseja realizar esse procedimento pois auxiliaria ela a ter uma recuperação mais rápida.

Para contribuir com a vaquinha de Suelen, basta clicar aqui.