Lotes, apartamentos, geminados, casas em Joinville, na serra ou nas praias. Não faltarão opções para quem busca a realização do sonho da moradia própria. O Salão do Imóvel de Joinville – organizado pela Acomac, maior associação do varejo de construção civil de Santa Catarina – vai oferecer centenas de possibilidades para quem quer sair do aluguel, trocar de endereço ou investir.

Ainda há estandes disponíveis. Por isso, empresas do setor imobiliário que tiverem interesse em participar do evento com a comercialização de imóveis podem se inscrever direto na Acomac.

 

 

O evento também terá correspondentes financeiros para simular as melhores opções de financiamento. Conforme a organização, será possível consultar as taxas mais atrativas do mercado e a melhores formas de parcelar o pagamento.

Durante o Salão do Imóvel, construtoras farão lançamentos de novos empreendimentos. O evento será realizado no Expocentro Edmundo Doubrawa, ao lado do Centreventos Cau Hansen, no centro da cidade, entre os dias 20 e 24 de março.

“Nossa expectativa é ofertar mais de 1000 opções de imóveis entre: casas, apartamentos e terrenos. Queremos atrair, em torno de 20 mil clientes para visitar o espaço e negociar. A estimativa é de gerar mais de R$ 100.000.000,00 (cem milhões de reais) em vendas”, confirma o presidente da ACOMAC, José Haveroth.

O Salão do Imóvel já tem confirmada grandes parcerias, como CreciI-SC, Acin (Associação dos Corretores de Imóveis do Norte de Santa Catarina), Acca (Associação Catarinense dos Construtores e Afins), Núcleo Imobiliário da Acij e Sinduscon Joinville.

 

Salão do Imóvel em números:

Estimativa em negociações: R$ 100.000.000,00
+40 construtoras
+1000 imóveis
20 mil visitantes