O mês de janeiro termina com anomalias positivas de chuva em todas as regiões de SC e quebra de recordes de precipitação em alguns municípios.

Em algumas localidades choveu mais que o dobro da média climatológica de janeiro, que é de 200 a 250mm.

As maiores anomalias de chuva (acima de 300mm) ocorreram em Florianópolis e entre Joinville e Garuva, onde os totais do mês ficaram acima de 500mm e até acima de 600mm, como em Schroeder e na Grande Florianópolis.

No Litoral Norte e Grande Florianópolis as anomalias de chuva ficaram acima de 200mm. Nesta última, foram 686,4mm, o maior registro mensal da região (recorde mensal absoluto), enquanto o recorde anterior era de janeiro de 2018 (652mm).

Anomalia mensal de precipitação em SC em janeiro de 202 | Foto Divulgação

Em Urupema, o total de chuva de 391,2mm deste janeiro de 2021 também é recorde mensal absoluto na região. Em Urubuci (340mm) e Rancho Queimado (445,6mm), os totais representam recorde para meses de janeiro nas regiões.

As anomalias ficaram acima de 100mm em boa parte do interior do Estado e Litoral Sul.

Na primeira quinzena de janeiro, foi registrada pouca chuva em SC, com totais inferiores a 75mm em grande parte do interior.

Entre Joinville e Garuva, no entanto, os totais já superavam os 200mm nesse período.

Na semana entre 17 e 25/01, a chuva atingiu especialmente Florianópolis com totais acima de 250mm.

Com informações de assessoria de imprensa.