Nesta quinta-feira (5), a Secretaria da Saúde confirmou a segunda morte por dengue em Joinville neste ano.

A vítima era um homem de 72 anos, com múltiplas comorbidades, morador do bairro Comasa. Ele faleceu em 18 de abril, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular da cidade.

 

 

A confirmação se deu após investigação da Vigilância Epidemiológica, com base no histórico de saúde e também no prontuário do paciente e nos exames realizados durante o período de hospitalização.

Desde o início deste ano, Joinville confirmou 4,4 mil casos de dengue, além de ter identificado 4,9 mil focos do mosquito Aedes aegypti. Os bairros com mais casos confirmados são Costa e Silva, Iririú, Jardim Iririú, Comasa e Aventureiro.

De acordo com o Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa), a maior parte dos focos do mosquito estão localizados nas residências.

Por este motivo, é fundamental evitar o acúmulo de água, acondicionar garrafas com a boca para baixo, colocar areia nos pratos dos vasos e manter as calhas limpas, por exemplo.

No site da Prefeitura é possível acompanhar os dados atualizados da doença em Joinville, incluindo o detalhamento dos casos confirmados por idade e localização. Também é possível visualizar a localização dos focos do mosquito mapeados pela equipe da Vigilância Ambiental.