Nesta semana o Programa Cidades Sustentáveis divulgou o Índice de Desenvolvimento Sustentável das Cidades, um trabalho inédito de iniciativa das Nações Unidas (ONU) para monitorar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) em seus países-membros.

As cidades são classificadas pela pontuação geral e o índice mede o progresso total para o cumprimento de todos os 17 ODS.

A pontuação vai de zero a 100.

O estudo apontou que as cidades brasileiras têm grandes desafios para atingir a maior parte dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e muitas ainda estão longe das metas estabelecidas.

Outras, mais avançadas, apresentam progressos importantes em direção ao pacto supranacional promovido pela Organização das Nações Unidas desde 2015.

É o caso de Jaraguá do Sul, que aparece em segundo lugar no ranking estadual, com 66,08 pontos.

Foto Divulgação/PMJS

O município se destaca em vários ODS, como em consumo e produção responsáveis, onde atingiu a pontuação máxima, (100).

Em energia limpa e acessível o índice ficou em 99,83.

Acima de 100 mil habitantes, Jaraguá do Sul lidera o ranking no estado.

Para o prefeito Antídio Aleixo Lunelli, este é o resultado de um trabalho de gestão implantado em todos os setores do serviço público municipal.

“Estamos sempre de olho nas prioridades identificando as necessidades e fortalecendo os investimentos para melhorar ainda mais a entrega dos serviços para a população”, resume.

Programa Cidades Sustentáveis

O PCS é uma agenda de sustentabilidade urbana que incorpora as dimensões social, ambiental, econômica, política e cultural no planejamento municipal.

Desde 2012, atua na sensibilização e mobilização de governos locais para a implementação de políticas públicas estruturantes, que contribuam para o enfrentamento da desigualdade social e para a construção de cidades mais justas e sustentáveis.

Estruturado em 12 eixos temáticos, alinhados aos ODS, da ONU, o programa oferece ferramentas e metodologias de apoio à gestão pública e ao planejamento urbano integrado, além de mecanismos de controle social e estímulo à participação cidadã.

Índice de Desenvolvimento Sustentável das Cidades – Brasil

O IDSC-BR é uma ferramenta para estimular e monitorar o cumprimento dos ODS em diversas cidades brasileiras.

Elaborado com base em mais de 80 indicadores, o índice atribui, para cada município, uma pontuação específica por objetivo e outra, a pontuação final de classificação das cidades, para o conjunto dos 17 ODS.

Com isso, o objetivo é gerar um movimento de transformação efetiva nas cidades brasileiras, orientar a ação política municipal e definir referências e metas com base em indicadores de gestão.

É uma oportunidade para as cidades se integrarem a mais avançada agenda global de desenvolvimento sustentável.

Com informações de assessoria de imprensa.