Isabelly Vitoria dos Santos Costa, do estabelecimento de ensino Luiz Cândido da Luz, da Vargem do Bom Jesus, foi a vencedora do  concurso municipal de Florianópolis Oratória nas Escolas 2018. Além de passar para a etapa regional, que acontecerá em agosto, terá direito, gratuitamente, a um curso de inglês durante 1 ano e a  um notebook.

Leia mais: Prefeitura de Florianópolis  abre processo seletivo para 27 áreas na Educação

Em 2º ficou Ramon S.de Gusmão, da Escola Acácio Garibaldi S. Thiago, da Barra da Lagoa | Foto Divulgação | PMF

Com o tema “O que é ter sucesso na vida?”, o evento foi organizado pela Junior Chamber International (JCI) Florianópolis e Prefeitura, por intermédio da Secretaria de Educação e Coordenadoria de Políticas Públicas para Juventude. O patrocínio foi da Associação Comercial e Industrial (ACIF) e da Shapes - Escola de Inglês

O “Oratória nas Escolas” tem como objetivo estimular o estudo e a reflexão de jovens, e a mobilização da sociedade sobre temas de preocupação mundial, tais como promoção da saúde, igualdade de gênero, respeito, autonomia, cidadania, paz, justiça, economia, meio ambiente, educação e segurança. Além disso, estimula a prática de falar em público, competência necessária para diferenciar-se no mercado de trabalho atualmente.

Evento foi organizado pela Junior Chamber International (JCI) Florianópolis e Prefeitura | Foto Divulgação | PMF

Os candidatos fizeram uma redação com o tema proposto. O texto foi interpretado para um corpo de jurados, que levou em consideração emoção, conteúdo e linguagem corporal.

Primeiro lugar

Surpresa com a sua colocação, Isabelly diz que “ainda não caiu a ficha”. A estudante é de Londrina, no Paraná. Conta que atividades como essa, não eram propostas pela escola da cidade onde nasceu, e ficou feliz em ter a oportunidade de participar do concurso.

A paranaense conta que adquiriu muito conhecimento através das pesquisas que fez para elaborar o seu texto, e com as redações dos outros participantes. Diz que adorou o tema, pois é muito abrangente.

Com muitas expectativas para a regional, a jovem afirma estar nervosa, mas confiante. “Poder representar a cidade que me acolheu é gratificante”.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?

 

Quer receber as notícias do Por Acaso no WhatsApp? Clique aqui!