Governo de SC lança painel com dados da dengue; confira

Foto: Governo de Santa Catarina

Por: Milena Natali

28/02/2024 - 09:02 - Atualizada em: 28/02/2024 - 09:33

Nesta terça-feira (27), o Governo de Santa Catarina lançou o Painel para Monitoramento de Casos de Dengue e Chikungunya. É possível consultar o número de casos prováveis, óbitos, faixa etária dos casos, número de casos por município, além de acompanhar o mapeamento dos focos do mosquito Aedes aegypti pelo estado.

“Com o painel teremos acesso a informações e relatórios atualizados diariamente, intensificando a transparência dos dados aos gestores e população em geral. O Governo do Estado está atento e fazendo a sua parte, apoiando os municípios no combate à dengue. Grande parte da solução está em nossas mãos, vamos cuidar das nossas casas e dos nossos locais de trabalho para que as prefeituras possam cuidar dos cemitérios, das praças e áreas públicas. Então faça a sua parte”, salienta a secretária de Estado da Saúde, Carmen Zanotto.

As informações disponíveis no painel são provenientes dos casos notificados pelos municípios no Sinan On-line e Net (Sistema de Informações de Agravos de Notificação) do MS (Ministério da Saúde).

Além de dados do sistema Vigilantos da DIVE/SC para análise dos focos do mosquito, e do LACEN/SC (Laboratório Central de Saúde Pública) através do GAL (Gerenciador do Ambiente Laboratorial), para informações sobre os testes.

Os dados apresentados no painel são parciais e sujeitos a alteração, a partir das informações inseridas pelas Secretarias Municipais de Saúde, com possibilidade de variação diária nas informações.

Os dados serão atualizados diariamente (às 7h e às 13h).

Na ferramenta, pode-se aplicar filtros como ano, classificação dos casos, municípios, região de saúde, sexo e raça, entre outros.

De acordo com os dados atualizados do painel, SC já tem 25.984 casos prováveis de dengue, com 10 óbitos confirmados. Já com relação à chikungunya são 84 casos prováveis.

Vale ressaltar que a DIVE vai continuar com a publicação dos informes epidemiológicos semanalmente, para análise mais detalhada do cenário da dengue em SC.