O Governo do Estado de Santa Catarina liberou nesta sexta-feira (10), a pesca de arrasto no litoral catarinense.

Apesar da autorização, foi feita uma série de exigências aos trabalhadores para não disseminar o coronavírus. O número máximo de pessoas na pesca, por exemplo, não pode passar de 20.

Além disso, é obrigatório o uso de máscara durante a atividade, e ao fim da pescaria, todos deverão se retirar da praia para evitar aglomeração.

"A Portaria vem para disciplinar e dar instruções para os pescadores de arrasto. Este é o tipo de pesca mais antigo e tradicional do litoral catarinense, que envolve cerca de 5 mil pessoas na atividade. Além disso, a pesca de arrasto tem um cunho social muito importante, já que os pescadores acabam distribuindo parte dos peixes para a comunidade", destacou o secretário de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural, Ricardo de Gouvêa.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger