O governador do Estado de Santa Catarina, Carlos Moisés, esteve presente nesta sexta-feira (16), em um encontro no auditório do CEB (Centro Empresarial de Blumenau), a convite da Acib (Associação Empresarial de Blumenau) para a assinatura da ordem para retomada da implantação e pavimentação da Via Expressa (SC-108). As obras vão ocorrer no acesso Norte do município, em uma extensão de 15,6 km, trecho compreendido entre a BR-470 e a SC-108 (Vila Itoupava). O valor total da obra chega aos R$150 milhões.

Na abertura do encontro o presidente da Acib, Renato Medeiros, enalteceu a vinda do governador e o esforço para que obras importantes de infraestrutura aconteçam na cidade. Além disso, ressaltou a importância do Governo do Estado estreitar os laços com a classe empresarial. "Acredito que é fundamental termos uma relação mais próxima, participarmos mais ativamente do planejamento e das decisões do Governo. Essa obra assinada hoje é uma bandeira antiga da associação e de toda a população de Blumenau. Esperamos que ela de fato se torne realidade. E é apenas uma das tantas que precisamos que aconteçam", apontou.

Medeiros também reforçou o apoio da Acib à decisão do governo de investir 200 milhões de reais nos trechos 1 e 2 da BR-470 e disse acreditar que um novo momento está começando. "Com maturidade política, planejamento e diálogo. No que depender da Acib, estamos de portas abertas para continuar ajudando, participando, contribuindo para construirmos, juntos, um Estado melhor e mais próspero", observou.

O prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt, lembrou que, assim como o Governo do Estado entregou essa ordem de serviço para a retomada da SC-108, o município também tem o desafio de finalizar obras que estão em andamento.

No encontro, o secretário de Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Augusto Vieira, destacou que a partir de hoje as máquinas que vão iniciar o serviço, da empresa responsável pela pavimentação, a Cetenco, chegam à SC-108, e nas próximas semanas, a obra já deve ser retomada. A expectativa é que seja finalizada nos próximos 18 meses. “E gradativamente, até o final de 2020, nós vamos ver que estamos transformando a infraestrutura de Santa Catarina”, apontou.

Por fim, o governador de Santa Catarina, Carlos Moisés, ressaltou que mesmo a SC-108 sendo uma rodovia municipal, ela vai fomentar a instalação de mais empresas ao longo da estrada, diminuir o custo de logística e, consequentemente, o dinheiro investido volta, realimentando o Estado. “Queremos ser parceiros de Blumenau e de todas as regiões de Santa Catarina. Já temos projetos de parcerias na recuperação e revitalização de rodovias junto com os municípios. Sempre pautados pelo bom diálogo, temos convicção que vamos entregar para a sociedade muito mais do que nós poderíamos imaginar para Santa Catarina”, conclui.

Receba as notícias de Blumenau e região pelo WhatsApp clicando aqui.