O pequeno Kauan Wolff, de cinco anos, que junto de seu irmão gêmeo Rodrigo mobilizou os jaraguaenses em campanhas de arrecadação para comprar botas ortopédicas, faleceu na noite dessa última quarta-feira (18). Segundo a mãe, Tatiane Barbi, o filho sofreu um infarto após dias seguidos de vômito. Ele chegou a ser medicado, mas, os sintomas teriam continuado. Kauan foi tema de reportagens no jornal O Correio do Povo nos últimos anos porque a família buscava ajuda para levantar recursos e comprar os aparelhos necessários para minimizar as sequelas causadas pela deficiência intelectual e dificuldade de mobilidade de ambos. Rodrigo tem paralisia cerebral e o irmão nasceu com hidrocefalia e cegueira no olho esquerdo. Além disso, a mãe enfrentava dificuldades financeiras para sustentá-los. Tatiane observa que o filho vinha se desenvolvendo bem, e inclusive, frequentava a Apae. O velório deve começar hoje, mas ainda não há informações sobre horários e locais. Registramos aqui os nossos sentimentos.