Funcionários decideram pela greve em assembleia na manhã desta terça-feira (26) | Foto Sintrasen/Divulgação
Funcionários decideram pela greve em assembleia na manhã desta terça-feira (26) | Foto Sintrasen/Divulgação

Os trabalhadores da Comcap decidiram entrar em greve, por tempo indeterminado, em assembleia realizada na manhã desta terça-feira (26), em Florianópolis. As principais pautas da categoria são em relação às condições de trabalho, à falta recorrente de equipamentos e ao concurso público que está na Câmara de Vereadores desde final do ano passado.

Em nota divulgada no final da manhã, o Sintrasen destaca que “sem equipamentos e correndo risco de morte, trabalhadores do Centro de Vazamento de Resíduos Sólidos chegam a pegar vassouras do lixo para conseguirem fazer o seu trabalho, em um local que ameaça desabar a qualquer momento”.

A nota segue com outras reclamações: “Também não há, até agora, nenhum tipo de planejamento para a escala de Carnaval (período em que o movimento e a produção de lixo na cidade crescem intensamente)”.

O Sintrasen afirma que “o processo de compra de veículos também parou após a única empresa interessada desistir do edital. A prefeitura agora ‘estuda’ montar uma comissão para rever o processo”.

Também em nota, a prefeitura se mostrou surpresa com a posição dos trabalhadores:

“A Prefeitura de Florianópolis recebeu com surpresa a deliberação de greve dos empregados da Comcap. Isto porque o município vem dando todo suporte e recursos para que a autarquia possa melhorar os serviços e para que realize todos os investimentos solicitados pela categoria”.

Ainda de acordo com a posição da prefeitura, “a deliberação de greve é despropositada e usa a Comcap para tentar reforçar movimento contra a reforma da previdência nacional, que nada tem a ver com a Prefeitura de Florianópolis”.

A prefeitura completa a nota: “A administração municipal já está em contato com empresas privadas para iniciar nos próximos dias a limpeza da cidade sem prejudicar os moradores. Os recursos investidos nessa operação serão descontados do sindicato, promotor de mais uma greve ilegal e desrespeitosa com a cidade”.

A Comcap orienta que nesta terça-feira (26), os resíduos sejam mantidos nos depósitos temporários, dentro dos domicílios.

A próxima assembleia da categoria está marcada para esta quarta-feira (27), às 7 horas.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?