A força-tarefa que fiscaliza o cumprimento do decreto que estabelece normas para conter a pandemia de Covid-19 teve um final de semana com várias ocorrências de aglomeração. Os locais que receberam intervenção das autoridades foram bares e algumas festas particulares em residências.

Na última sexta-feira e sábado (dias 9 e 10) os integrantes da Coordenadoria de Proteção e de Defesa Civil, Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal e servidores da Vigilância Sanitária precisaram determinar o encerramento das atividades de alguns bares da área central da cidade que desrespeitaram o horário limite das 22 horas e também algumas festas particulares que contavam com um número expressivo de participantes.

Segundo o coordenador da força-tarefa, secretário de Segurança, Trânsito e Patrimônio, Evandro Almeida, um Termo Circunstanciado (TC) foi feito na sexta-feira. “Teve estabelecimento com cerca de 200 pessoas que teve que encerrar o atendimento e dispersar a aglomeração”, destaca o secretário.

A ocorrência mais movimentada foi na sexta-feira, com a prisão de um jovem que causou confusão no pátio de um posto de combustíveis. Depois da chegada da força-tarefa, ele danificou uma viatura da Guarda Municipal em uma tentativa de fuga, mas capotou o veículo logo em seguida e acabou preso. O caso agora está aos cuidados da Polícia Civil.

A população tubaronense pode fazer denúncias de descumprimento das medidas sanitárias e de segurança pelo telefone 153 e tirar dúvidas pelo e-mail fiscalizacaocovid@tubarao.sc.gov.br.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp