Com o objetivo de construir, coletivamente, uma agenda de fortalecimento da APS nos territórios, identificando os principais desafios para a concretização de uma APS resolutiva, capaz de ordenar a Rede de Atenção à Saúde e coordenar o cuidado, o evento foi oficialmente aberto com o discurso do Secretário da Saúde do Município de Florianópolis, Carlos Alberto Justo da Silva.

“Florianópolis obteve um grande sucesso ao longo do tempo na implantação deste modelo de saúde, com ênfase na atenção primária, o que levou nossa cidade a ser referenciada como exemplo neste setor”, relata o Secretário da Saúde do Município de Florianópolis, Carlos Alberto Justo da Silva.

Ao longo destes dois dias, serão propostas estratégias de superação dos desafios da Atenção à Saúde Primária, de forma tripartite, colaborativa e ampliada.

Cerca de 650 pessoas participam do Encontro Estadual para Fortalecimento da Atenção Primária à Saude (APS) | Foto PMF/Divulgação

Compondo a mesa, ao lado do secretário estiveram presentes as seguintes autoridades: Presidente do Conselho Estadual de Saúde, Jorge Cobra; do Secretário de Saúde de Santa Catarina, Helton Zeferino; do Superintendente do Ministério da Saúde em SC, Rogério Mendes Ribeiro; do Vice-presidente do Cosems, Manuel del Olmo; e de Etel Matielo, representado o Ministério da Saúde.

O Encontro Estadual para Fortalecimento da Atenção Primária à Saúde (APS) é promovido pelo Ministério da Saúde, com apoio da Organização Panamericana da Saúde (OPAS) e da Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina (SES/SC).

Quer receber as notícias no WhatsApp?