O estudante Eduardo Hermann, natural de Corupá e ex-aluno de Jaraguá do Sul, fez bonito na 45ª WorldSkills Competition, o torneio mundial de educação profissional encerrado terça-feira (27), na Rússia.

O jovem representava a unidade de Blumenau do Senai e foi um dos catarinenses que integrou a delegação brasileira na competição. Hermann ficou no 7º lugar em Gestão de Sistemas de Redes TI.

Além de Eduardo, um dos cinco alunos destacados com certificados de excelência, a dupla Raissa Constante e Jean Carlos Novak, de Florianópolis, conquistou a medalha de bronze em Segurança Cibernética.

Os certificados de excelência são destinados aos competidores que ficaram acima da média em cada ocupação.

Com esses desempenhos, eles contribuíram para que o Brasil chegasse à terceira posição na classificação geral, mantendo-se há sete edições consecutivas entre os cinco melhores em educação profissional do planeta.

Os cinco catarinenses que conquistaram medalha de excelência também superaram a marca de 700 pontos em 800 possíveis.

Ainda se destacaram na competição Gabriel Ribeiro (Blumenau, 4º colocado em Soluções de Software para Negócios), Allan Scholze (São Bento do Sul, 7º em Fresagem CNC), Gabriel Hoffmann (Palhoça, 8º em Manutenção de Aeronaves) e Isadora Berti Guedes Pereira (Tubarão, 9ª em Estética e Bem-Estar).

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger