Prossegue nesta sexta-feira (18), sábado (19) e domingo (20) a 6ª Semana da Banana de Corupá, na praça Artur Müller. Às 19h desta sexta-feira haverá a Noite do Pastel e Amostra de Trabalhos na Escola Francisco Mees e às 19h30 ocorre a divulgação do Concurso de Logomarca e Slogan "Dia da Banana". No sábado, o destaque fica para Concurso de Cucas de Banana, food truck, atividades de recreação na praça e o baile em comemoração ao Dia da Banana no salão Rio Novo. Já no domingo, serão realizados eventos esportivos como o 2º Banana Bike, com saída da praça central, food truck e espetáculo teatral.  Na segunda-feira (21) - Dia da Banana - serão realizadas palestras nas quatro escolas municipais. A 6ª Semana da Banana de Corupá abriu na quarta-feira passada, com programação direcionada à bananicultura da cidade, envolvendo produtores, comerciantes, técnicos, estudantes e a população. Entre as atividades programadas para a semana estão palestras, apresentações de trabalhos ligados ao cultivo da banana, exposição de bananas e produtos, mostra de artesanato, festival gastronômico com pratos à base de banana, concurso de cucas de banana, espetáculos teatral e de danças, atividades e brincadeiras para crianças entre outros. A Semana da Banana é promovida anualmente pela Associação dos Bananicultores de Corupá (Asbanco) e Cooper Rio Novo e tem o apoio da Prefeitura de Corupá, Câmara de Vereadores, Secretaria do Estado da Agricultura e Pesca, Agência Regional de Desenvolvimento (ADR), Epagri, Cidasc e Associação Empresarial de Corupá (Aciac). Segundo o secretário de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente Marcos Martini, trata-se de um evento que valoriza os produtores de banana e a bananicultura do município que é a Capital Catarinense da Banana. "O evento também é oportunidade para a troca de informações, lazer e cultura para toda a população", comenta. Veja a programação completa.
Estudantes visitam exposição e conhecem um pouco mais da maior riqueza de Corupá | Foto Áurea J. Arendartchuk/Divulgação/Prefeitura de Corupá
A banana e a história de Corupá A história da bananicultura caminha lado a lado com o desenvolvimento de Corupá. Comparando os 120 anos de fundação do município e os registros históricos, notou-se que o cultivo da fruta ocorre há 109 anos. Apesar das dificuldades do plantio em relevo montanhoso e clima subtropical a banana teve e tem extrema importância no desenvolvimento da cidade. Em 2012, os produtores de Corupá foram ainda mais valorizados com a lei municipal 2078/12 que instituiu o dia 21 de agosto como sendo o Dia da Banana, data especial para promover a história do cultivo da fruta, o desenvolvimento do município, fazendo com que ocorra o intercâmbio entre os mais diversos elos da cadeia produtiva, como: instituições, técnicos, produtores, fornecedores, comerciantes de banana e população. *Com informações da assessoria de imprensa da Prefeitura de Corupá