Estação de tratamento com obras antecipadas

Construção tem prazo de entrega para dezembro 
do ano que vem. Em torno de 120 funcionários se dedicam ao serviço  - Foto: Eduardo Montecino/OCP Online Construção tem prazo de entrega para dezembro do ano que vem. Em torno de 120 funcionários se dedicam ao serviço - Foto: Eduardo Montecino/OCP Online

Cotidiano

Por: OCP News Jaraguá do Sul

quinta-feira, 04:00 - 22/09/2016

OCP News Jaraguá do Sul
A construção da nova estação de tratamento de água (ETA) do Samae está um mês antecipada. Em seis meses, a obra chega aos 25% de conclusão. O terreno às margens do Rio Itapocu, no bairro Água verde, está marcado pelas estruturas de concreto armado, que fazem parte da fase de construção civil. Na próxima etapa serão realizadas as instalações hidráulicas, de equipamentos, acabamentos e a pré-operação. A estrutura está localizada na sede do Samae e terá mais de 4,9 mil metros quadrados. Com a nova estação, o município irá atingir a capacidade de tratar mil litros por segundo de água, triplicando a potência atual. “O empreendimento trará segurança hídrica para disponibilizar material em quantidade, qualidade e regularidade compatível com as necessidades”, aponta a diretora presidente interina do Samae, Ana Silveira Figur.A ampliação de produção atenderá ao Plano Municipal de Saneamento Básico e demandas futuras. De acordo com as projeções de crescimento populacional, há garantia da continuidade do abastecimento público para mais 25 anos, conforme o Samae. A ETA será composta pelas unidades de captação, pré-sedimentação, mistura rápida, floculação, decantação, filtração e condicionamento. Para a obra foi levantado o investimento total de R$ 35 milhões, sendo R$ 27 milhões provenientes de empréstimo pela Caixa Econômica Federal por 20 anos e carência de quatro. Já a Prefeitura deve aplicar uma contrapartida de até R$ 8 milhões, inseridos ao longo da construção, prevista para ser entregue em dezembro de 2017. Cerca de 120 trabalhadores compõe o canteiro de obras da estação.
×