Você sabia que as crianças não se contaminam na mesma proporção que os adultos pelo novo coronavírus, o vírus causador da Covid-19? Não existe uma explicação conclusiva para saber por que isso acontece, mas alguns estudos científicos recentes trazem respostas importantes para nos ajudar a entender.

Um artigo publicado na Nature, uma importante e respeitada revista científica britânica, mostrou que as crianças respondem por uma pequena porcentagem das infecções por Covid-19.

De acordo com o estudo, o sistema imunológico dos mais jovens está mais adaptado e bem equipado para responder a novas infecções. Ou seja, seu sistema imune consegue montar uma resposta de defesa rápida e eficiente antes que o vírus possa se replicar de forma significativa.

E, mesmo quando contaminadas, as crianças tendem a apresentar a forma leve ou assintomática da doença. Às vezes, os testes diagnósticos dos pequenos nem dão positivo, mesmo se estiverem infectados. Complicações graves, embora existam, também são raras nos mais novos.

Mãe coloca máscara na filha
Foto Reprodução/Pexels

O Hospital Sant Joan de Déu, em Barcelona, fez um estudo chamado Kids Corona, com 411 famílias e 724 crianças com pelo menos um dos pais com Covid-19. A pesquisa mostrou que mais de 99% dos menores não apresentavam sintomas ou tinham sintomas pouco relevantes.

Uma das explicações para esse fenômeno é que crianças produzem mais anticorpos direcionados especialmente à proteína S (ou Spike), usada pelo coronavírus para penetrar nas células e que também permite a replicação viral.

Mesmo assim, vale sempre lembrar que as medidas de segurança, como distanciamento social, uso de máscara e higienização frequente das mãos, devem ser seguidas pela família inteira.

*Com informações de Instituto Butantan.