Após 11 dias morta, o corpo da Rainha Elizabeth II ainda não foi sepultado. O funeral será nesta segunda-feira (19), sendo considerado um dos maiores eventos públicos da história do Reino Unido.

O corpo da rainha conseguiu aguentar 11 dias de cerimônias graças à forma a qual o caixão foi feito. O caixão da monarca foi feito de carvalho inglês e forrado com chumbo e durante o funeral ficará lacrado. O caixão, inclusive, foi fabricado há 30 anos.

De acordo com as informações do jornal inglês “The Telegraph”. O método é utilizado e conhecido como “casca e caixa de chumbo”. Nele, um simples caixão interno é feito de madeira, coberto com cumbo e depois colocado dentro de um caixão externo.

Com esse método o oxigênio é barrado, criando um ambiente hermético, que impede que bactérias, fungos e vírus se proliferem.

A monarca será sepultada no Castelo de Windsor, na Capela Memorial do Rei George VI, ao lado do pai e do marido, o príncipe Philip, que faleceu em abril do ano passado.