Superlotação provocou a suspensão temporária no atendimento de emergência pediátrica do Hospital Universitário, em Florianópolis. A unidade de internação não tem infraestrutura para receber mais pacientes. Com isso, novas internações só serão liberadas depois que alguns pacientes, já hospitalizados, receberem alta médica. O serviço foi interrompido às 17h30 deste domingo (15). Os pacientes que aguardavam no hospital, saíram sem atendimento e até o momento a situação continua a mesma no HU.