Na primeira Sessão Virtual do Legislativo de Criciúma, na noite desse sábado, os parlamentares fizeram um minuto de silêncio como forma de homenagear o policial militar que foi morto durante uma ação da polícia, o cabo João Batista Figueira Ribeiro, de 42 anos.

Ele estava internado no Hospital São José desde a tarde de terça-feira, quando foi atingido por um tiro na cabeça durante o cumprimento de um mandado de prisão.

A homenagem também foi ao empresário de Criciúma, Evaldo Stopassoli, de 73 anos, que foi vítima do Covid-19.