Os empreendedores do ramo gastronômico de Nova Veneza estiveram reunidos com o prefeito, Rogério Frigo, e com a secretária de Saúde, Maristela Vitali Cúnico, para discutir novas medidas de prevenção e combate ao contágio do novo coronavírus em espaços públicos da cidade.

O novo decreto, publicado nessa quarta-feira, prevê novas medidas de fiscalização, orientação e aplicação de multa, se necessário.

Quem desrespeitar o uso de máscaras pode ser multado em R$ 54 a até R$ 2.180.

O decreto também prevê barreira de orientação sanitária, além da proibição de ingestão de bebida alcoólica em espaços públicos.

A presidente da Associação Neoveneziana de Turismo (ANET), Franciele Zuchinali Ghellere, destacou a importância de poder compartilhar com todos os associados e discutir em conjunto com o poder público.

Empreendedores do ramo gastronômico de Nova Veneza estiveram reunidos com o prefeito, Rogério Frigo, e com a secretária de Saúde, Maristela Vitali Cúnico / Foto: Divulgação

“Nós, empreendedores do ramo gastronômico, nos preocupamos e estamos executando todos os cuidados necessários para o bem-estar e saúde. Poder discutir e conhecer as novas ações de como garantir o fluxo de pessoas nos estabelecimentos e em áreas públicas se faz necessário”.

Em conjunto

“A ideia foi compartilhar com todos os empreendedores quais medidas iremos tomar para defender a nossa cidade e a saúde da população. Precisamos todos nos ajudar e fazer a nossa parte de cuidar e zelar pelo bem-estar de quem vive aqui. Nós queremos ajudar, contribuir, e a decisão foi tomada em conjunto com todos os empreendedores para combater a contaminação do vírus”, revelou o prefeito Rogério Frigo.