Em Brasília, Salvaro busca manutenção do Complexo Jorge Lacerda e continuidade do Canal Auxiliar

Em Brasília, Salvaro busca manutenção do Complexo Jorge Lacerda e continuidade do Canal Auxiliar Em Brasília, Salvaro busca manutenção do Complexo Jorge Lacerda e continuidade do Canal Auxiliar

Cotidiano

Por: OCP News Criciúma

quarta-feira, 08:39 - 13/01/2021

OCP News Criciúma

Depois de passar a terça-feira buscando recursos na Capital do Estado, o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, passou esta quarta-feira na capital federal, também com agenda cheia de solicitações para projetos importantes para a cidade. Uma das reuniões foi no Ministério de Minas e Energia, onde foi dada continuidade na busca da manutenção do Complexo Termelétrico Jorge Lacerda.

Em reunião com o ministro Bento Albuquerque, o prefeito argumentou os motivos da necessidade de continuidade do complexo para o Estado e para os municípios do Sul.

"Ele é o ponto principal de toda uma cadeia produtiva de carvão mineral. Quase tudo que é produzido no Sul é encaminhado para a usina. O carvão também é a principal carga transportada pelas ferrovias e o setor carbonífero envolve mais de 20 mil empregos. Além disso temos a SATC, toda uma comunidade escolar que também é dependente do setor", destacou o prefeito, que acompanhou o Grupo de Trabalho, formado por deputados estaduais, federais, senadores e o governador Carlos Moisés.

Definição

No encontro ficou definido que o grupo, que objetiva o desenvolvimento e o fortalecimento do setor energético do Sul, tem até 180 dias para analisar passivos tributários, passivos ambientais, viabilidade econômico-financeira e o programa para Uso Sustentável do Carvão Mineral.

O relatório final deve ser apresentado em junho, quando serão dados os próximos passos para a continuidade do complexo de Capivari de Baixo.

Canal Auxiliar

Ainda em Brasília, Clésio Salvaro, acompanhado da deputada federal, Geovânia de Sá, e do secretário do Comitê Gestor, Vagner Espíndola Rodrigues, reuniu-se com o Secretário Nacional de Saneamento, Pedro Ronald Maranhão, para quem solicitou a extensão do Canal Auxiliar, após apresentar as etapas já executadas e os resultados positivos para o município, que resolveram históricos problemas de cheias na região central.

Pedro Maranhão elogiou a obra e os benefícios proporcionados e comprometeu-se em buscar recursos ainda para 2021, já que a Lei Orçamentária Anual não foi votada e aprovada. Ele também irá construir uma parceria junto com a deputada Geovânia, para, da mesma forma, buscar emendas de bancada para atender a solicitação.

O secretário ainda colocou-se à disposição para ajudar no que for necessário para viabilizar a continuidade do Canal Auxiliar, dada a importância da obra para Criciúma.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

×