O Hospital Municipal Santo Antônio, de Guaramirim, registrou uma média de 60 cirurgias por mês em 2015, com 61.804 registros no pronto atendimento e 893 internações. Dos 42 leitos ativos, oito são destinados à pediatria. Segundo a diretora da unidade, Márcia Adriaan Pruesse, a demanda reprimida de cirurgias gerais, que em 2014 alcançou 648 na lista de espera, foi zerada no ano passado. Os dados relacionados ao desempenho de 2015 do Hospital Santo Antônio, em Guaramirim, são parciais. A divulgação na íntegra será feita após a primeira reunião do ano do Conselho Deliberativo, marcada para o dia 4 de fevereiro, às 10h, no gabinete do prefeito Lauro Fröhlich. Segundo Márcia, o orçamento previsto para 2015, de R$ 10,5 milhões, cobriu os custos, incluindo as 180 parcelas de R$ 15 mil referentes a dívidas contraídas em administrações passadas. “São dívidas com o FGTS, desde 1974, e INSS, desde 2012”, esclarece. A previsão é que o orçamento de 2016 é de R$ 11,86 milhões. O gasto médio mensal da instituição gira em torno de R$ 780 mil. Desse montante, R$ 240 mil são para honorários médicos. Sobre o funcionamento da maternidade, desativada desde 2014, Márcia revela que o tema está em estudo, devido à falta de profissionais e o alto custo. “Antes tínhamos ginecologistas e obstetras em sobreaviso, mas hoje, os conselhos de classes querem o plantão presencial, e isso elevaria o nosso custo de R$ 30 mil para R$ 90 mil”, observa. “O atendimento do PA é a nossa vocação. O Samu está no trazendo até pacientes de Araquari. Viramos referência, sem sermos referência oficialmente”, assinala a gestora. Conselho está aprovado e plano diretor será entregue até abril Ainda de acordo com a gestora, uma das novidades para 2016 é a adequação no quadro de integrantes do Conselho Deliberativo do hospital, que passou a incluir a Aciag (Associação Empresarial de Guaramirim). Entre 2014 e 2015, a entidade destinou R$ 360 mil em doações de móveis, equipamentos médicos e infraestrurura à unidade. Também está prevista a entrega do Plano Diretor do Santo Antônio até abril. O novo Conselho Deliberativo foi aprovado pela Câmara de Vereadores em dezembro de 2015 e é presidido pelo prefeito Lauro Fröhlich.