A diretoria da Associação Empresarial de Blumenau (ACIB) recebeu nesta segunda-feira (21/02) o deputado federal Gilson Marques (NOVO) para falar sobre o Cenário Político e os Recursos para Santa Catarina.

O presidente Renato Medeiros explicou que a ideia de convidar o parlamentar ocorreu porque Marques é único deputado federal eleito na região do Vale do Itajaí e o mais próximo de Blumenau. O deputado expôs que entre os anos de 2019 e 2021 foram enviados a Blumenau R$ 10 milhões em emendas individuais e de bancada e mais R$ 7 milhões para as obras da BR-470. Por causa da pandemia, a maior parte dos recursos a partir de 2020 foi destinada à saúde.

Outros assuntos também foram debatidos no encontro, inclusive o Pacto Federativo, uma das bandeiras discutidas pela ACIB. “Santa Catarina arrecada R$ 69,7 bilhões e recebe de volta R$ 12 bilhões, por isso o Pacto Federativo não é justo,” criticou Marques.

Uma das preocupações da associação tem relação à Reforma Tributária. “A previsão é ser votada essa semana”, comentou o presidente e questionou o parlamentar sobre o tema. Marques acredita que a melhor saída para a reforma tributária é a PEC 7 que altera o sistema tributário brasileiro para criar apenas três classes de impostos – sobre renda, consumo e propriedade. Conforme a proposta, esses impostos poderão ser cobrados, ao mesmo tempo, por União, estados e municípios. Atualmente o projeto da reforma tributária se encontra no Senado.

O presidente deixou a associação aberta para novos debates e informou que a próxima reunião da diretoria será em conjunto com o Conselho Deliberativo, no dia 7 de março, às 17h30.

Receba as notícias de Blumenau e região pelo WhatsApp clicando aqui.