O último sábado do mês de abril, 30, será marcado pelo Dia D, de mobilização estadual, das Campanhas de Vacinação contra a gripe e contra o sarampo. Nesta data, os municípios catarinenses vão disponibilizar pontos de vacinação para imunizar a população contra as duas doenças. Serão vacinados contra a gripe os idosos com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde e crianças de seis meses a menores cinco anos; e contra o sarampo as crianças de seis meses a menores de cinco anos e os trabalhadores da saúde.

 

Seguindo orientação da Secretaria de Estado da Saúde, os municípios que tiverem doses extras da vacina contra a gripe podem antecipar a vacinação dos demais grupos prioritários da Campanha, que inicia no próximo dia 2 de maio. Desta forma, é importante que a população se informe junto a Secretaria de Saúde do município sobre os grupos, locais e horários de vacinação.

 

A partir de segunda-feira, 2 de maio, começa uma nova etapa da Campanha de Vacinação contra a gripe e pessoas dos demais grupos prioritários também poderão ser imunizadas contra a doença, como:

  • Gestantes e puérperas;
  • Indígenas;
  • Professores;
  • Pessoas com comorbidades;
  • Pessoas com deficiência permanente;
  • Caminhoneiros;
  • Trabalhadores do transporte coletivo;
  • Trabalhadores portuários;
  • Forças de segurança e salvamento e forças Armadas;
  • Funcionários do sistema prisional;
  • População privada de liberdade e adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas.

Na Campanha contra a gripe está sendo usada a vacina contra influenza trivalente, que protege contra três subtipos de vírus influenza: A (H1N1), A (H3N2) e B.

Com relação ao sarampo, a partir do dia 2 de maio, continuam sendo vacinados os trabalhadores da saúde e as crianças de seis meses a menores de cinco anos com uma dose da vacina tríplice viral, independentemente da situação vacinal. Além de proteger contra o sarampo, a tríplice viral protege contra a rubéola e a caxumba.

As Campanhas de Vacinação contra a gripe e o sarampo continuam até o dia 3 de junho. Pessoas que fazem parte de um dos grupos prioritários de vacinação devem procurar um ponto de vacinação o quanto antes.