Enquanto procurava um animal para adotar no estado americano da Pensilvânia, uma mulher encontrou o cão que havia fugido em 2019.

De acordo com a emissora local 6abc Philadelphia, Aisha Nieves olhava catálogos de abrigos da região pela internet em busca de um novo cachorro para adotar, mas foi surpreendida quando viu um rosto familiar em um dos catálogos.

No começo, ela não tinha certeza se era mesmo o Kuvo, nome que deu ao cão. Foi então que Aisha decidiu ir até o abrigo e, por causa de uma cicatriz no rosto do animal, ela confirmou que era mesmo seu cão, que havia fugido há dois anos.

Aisha tinha levado Kuvo, um filhote mistura de pitbull com rottweiler, para casa em 2014, quando ele tinha sete semanas de idade. Em 2019, ele fugiu quando um motorista danificou a cerca de sua casa.

O animal foi encontrado por outra família semanas depois no quintal de casa e então levado para o abrigo de animais LeHigh County Humane Society, onde recebeu o nome de Ash.

Com os anos, chegou a ser adotado por uma outra família, mas foi devolvido para a organização em junho.

No começo, Aisha tinha medo de que ele não a reconhecesse, mas ela estava enganada.

"Ele estava gritando, tentando escapar do cara segurando ele para correr para mim", afirmou ela ao programa de TV The Morning Call.

"Então ele pulou em mim e começamos a nos beijar e abraçar. Ele sentou no meu colo e eu disse para ele: 'Você está indo para casa. Sinto muito que isso tenha acontecido. Jamais vou te perder novamente'."