A Vigilância Sanitária de Jaraguá do Sul, sob orientação da Vigilância Sanitária Estadual, comunica que as tabacarias que possuem local para o consumo de narguilé, onde são realizadas a degustação, devem permanecer com suas atividades suspensas.

A atividade de degustação tem como objetivo a reunião de clientes para compartilharem de forma social o narguilé, contrariando o Art 8o. Inciso II § 1º do Decreto Estadual 562/2020: “ (...) fica proibida a aglomeração de pessoas em qualquer ambiente, seja interno ou externo, conforme regras sanitárias emitidas pelo COES da SES. “

As tabacarias podem comercializar os Kits de Narguilé, as essências e outros produtos fumígenos, mas não podem permitir o consumo no local.

Segunda a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) o narguilé, produto fumígeno comumente utilizado simultaneamente por um grupo de pessoas, já apresenta evidências de propagação de diversas doenças, pois a mangueira e o bocal utilizados para fumar são passados de pessoa para pessoa.

Portanto, diante de um vírus de alto contágio como o novo coronavírus, há de se prever que o uso do narguilé, bem como o compartilhamento de qualquer outro produto fumígeno, facilita a propagação e a contaminação de pessoas com essa doença.

O descumprimento das exigências poderá gerar a interdição do estabelecimento, como medida de proteção à população, e o encaminhamento do processo administrativo à Vigilância Sanitária Estadual, que multará o estabelecimento em R$ 840,00 por infração.

Fonte Prefeitura de Jaraguá do Sul

Foto Studio OCP

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul