A Diretoria de Defesa Civil do Município de Jaraguá do Sul está dando sequência às obras de prevenção de enchentes no município. Uma das maiores em andamento neste período é no Rio Cerro II. A obra envolve envolve a ampliação de vazão, contenção de margens, enrocamento e desassoreamento do rio.

Os serviços estão sendo realizados no leito e nas margens do rio, desde perto do pé da serra de acesso ao município de Pomerode e seguem em direção ao perímetro urbano de Jaraguá. De acordo com o diretor de Defesa Civil, Hideraldo Colle, serão aproximadamente dois quilômetros de obras.

“Fizemos cerca de um quilômetro do primeiro trecho e mais de 800 metros já no segundo trecho, que compreende desde o Portal Germânico até a ponte de acesso ao complexo do Clube Alvorada, priorizando os locais com mais históricos de alagamentos”, explica.

Adilson Utpadel mora a pouco mais de 300 metros da SC-108 e lembra que o pedido para esta obra é bastante antigo e que a região já sofreu muito com várias enchentes.

“A maior foi em 2011, quando a água chegou nas janelas das casas aqui desta região. [...] Agora, com esse trabalho todo, dever diminuir muito o risco de novos alagamentos”, espera Adilson.

Um fato que chama a atenção de quem passa na SC-108, que liga Jaraguá do Sul a Pomerode, é o empenho dos moradores no embelezamento da margem direita do Rio Cerro. Hoje, Utpadel é um dos voluntários que atua no embelezamento da margem do rio.

“Resolvemos aproveitar o momento e fazer um jardim. Recebemos doações de grama, bancos, flores, pedras e juntamos a comunidade para trabalhar. Ainda pretendemos fazer mais, quem sabe, estender esse jardim até o Pórtico Germânico (a 300 metros)”, conta Utpadel.

Moradores embelezam a margem direita do Rio Cerro ao lado da SC-108. Foto: PMJS

Welton Blodorn é outro voluntário que pega junto com o grupo para dar vida ao espaço. “Já que estamos envolvidos na ação, vamos fazer bem feito”, diz ele, acrescentando que o comentário na região é que ali está ‘nascendo a segunda Via Verde de Jaraguá do Sul’.

Nesta sexta-feira (23), os moradores estavam colocando sete bancos de concreto ao longo do espaço gramado. “Por aqui, passam muitos ciclistas, que podem parar para um descanso observando o rio”, diz Adilson Utpadel.

 

Ribeirão Grande do Norte

Na Estrada Quirino Lunelli, no Ribeirão Grande do Norte, a Defesa Civil está finalizando uma obra de enrocamento do ribeirão. O trecho estava sofrendo uma erosão que estava chegando ao asfalto e poderia comprometer a pista de rolamento caso houvesse um deslizamento. A situação foi percebida pelos moradores que entraram em contato com a Prefeitura, solicitando a obra.

Estrada Quirino Lunelli, no Ribeirão Grande do Norte. Foto: PMJS

 

Serrinha

O mesmo aconteceu na Rua Roberto Ziemann, a 300 metros do reservatório de água do Samae, na região da Serrinha, no Três Rios do Norte. Neste local, a água que escoava por uma tubulação estava causando erosão na lateral da pista, onde foi necessária a intervenção da Defesa Civil para a construção de um enrocamento. As obras estão em andamento.

Rua Roberto Ziemann, na região da Serrinha, no Três Rios do Norte. Foto: PMJS