Criciúma tem, nesta quinta-feira, 208 hospitalizados devido à Covid-19, sete a menos que o boletim anterior (ressalva para o número de óbitos).

Desses 208, 56 estão em leitos de UTI; um a mais que o boletim anterior; 116 são criciumenses e, 92, de outros municípios. Somente nove deles estão sob suspeita de contaminação, aguardando o resultado do exame.

À espera

Segundo Boletim Epidemiológico do Governo do Estado, hoje há 43 pacientes à espera de um leito de UTI Covid-19 na macrorregional de Criciúma, que também engloba as regiões de Tubarão e Araranguá.

Óbitos

Criciúma soma 334 mortes por conta da pandemia.