Motoristas que trafegam pela Via Rápida já devem ter percebido a movimentação de máquinas em trabalho no canteiro central da rodovia. As obras dizem respeito a marcação do local onde serão colocados os postes de iluminação da rodovia.

Conforme a Celesc, desde o início de fevereiro, trabalhadores atuam na obra de iluminação, com a marcação de todos os postes a serem implantados ao longo na via. As etapas da realização do projeto envolvem aquisição de materiais pela empresa executora, a implantação dos postes de iluminação ao longo na via, a fiscalização da rede implantada e a energização da mesma. O projeto prevê a instalação de luminárias de LED ao longo dos 12,7 quilômetros do trajeto.

O empreendimento será custeado por convênio com o Governo do Estado de Santa Catarina, com recursos oriundos do ICMS, sem contrapartida dos municípios. O prazo de finalização é de seis meses.

Nesta segunda-feira (21) o presidente da Companhia estará na Via Rápida para acompanhar as obras e conversar com jornalistas.

Confira a nota da Celesc na íntegra:

A Celesc informa que, a respeito da construção da rede subterrânea de energia da iluminação da Via Rápida, no Sul do estado, os serviços iniciaram no dia 01/02/22, com a marcação de todos os postes a serem implantados ao longo na via. A obra está em andamento conforme calendário previsto de seis meses para conclusão, a partir do início dos trabalhos. As etapas da realização do projeto envolvem aquisição de materiais pela empresa executora, a implantação dos postes de iluminação ao longo na via, a fiscalização da rede implantada e a energização da mesma. O projeto prevê a instalação de luminárias de LED ao longo dos 12,7 quilômetros do trajeto.

O empreendimento será custeado por convênio com o Governo do Estado de Santa Catarina, com recursos oriundos do ICMS, sem contrapartida dos municípios.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp