A Prefeitura de Florianópolis, por meio da Secretaria de Saúde, decidiu seguir as definições do Programa Nacional de Imunizações (PNI) quanto aos intervalos entre as doses e demais recomendações técnicas, sob pena de responsabilidade futura, segundo palavras e recomendação do governo estadual e federal.

 

 

Os intervalos somente serão alterados com o envio de doses e orientação formal para a mudança. Portanto a administração reitera que os prazos para segunda dose são: 28 dias para Coronavac, 12 semanas para Pfizer e 10 semanas para Astrazeneca.