As máscaras tem se tornado aliadas para evitar o contágio pelo novo coronavírus, e estudos recentes mostram que a sua utilização limita expressivamente a difusão da doença.

Por conta da comprovação de sua eficácia, o Prefeito de Joinville, Udo Döhler, assinou na segunda-feira (6), o decreto 37.874, em que recomenda a toda população joinvilense a usar máscaras de proteção ao precisar interromper o isolamento social.

A medida vale principalmente quando for necessário sair de casa para trabalhar, comprar alimentos ou outros gêneros de primeira necessidade. Para isso, podem ser utilizadas máscaras de proteção artesanais, cuja confecção deverá ocorrer conforme critérios indicados pelo Ministério da Saúde.

O decreto do Prefeito de Joinville também faz referência ao uso de máscaras cirúrgicas, que devem ser utilizadas apenas por profissionais de saúde e por profissionais de apoio que prestarem assistência ao paciente suspeito ou confirmados de coronavírus, recomendando assim o uso de máscaras artesanais.

Em publicação no site no último dia 2 de abril, o Ministério da Saúde recomendou o uso de máscaras caseiras de pano para a prevenção do coronavírus. Nos próximos dias o Ministério da Saúde do Brasil deve lançar uma campanha digital pela mobilização da população para fabricar as próprias máscaras de pano.

Para ter sua eficiência comprovada, é necessário que a máscara siga algumas especificações simples como ter pelo menos duas camadas de pano. O seu uso também deve ser individual e intrasferível.

Podem ser confeccionadas com algodão, tricoline, TNT ou outros tecidos, desde que desenhadas e higienizadas corretamente. A máscara também deve cobrir totalmente a boca e nariz e ser bem ajustada ao rosto, sem espaços nas laterais.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul