No próximo mês, a bandeira tarifária de energia elétrica será a vermelha. A informação é da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), divulgada nesta sexta-feira (26).

A mudança significa que serão cobrados R$ 4 a mais para cada 100 quilowatts-hora consumidos. Em julho, a bandeira tarifária era amarela e o acréscimo é de R$ 1,50 a cada 100 kWh consumidos.

Um dos fatores para a conta da energia elétrica mais cara em agosto é a previsão da Aneel de um aumento no acionamento das usinas termelétricas, que têm um custo de geração de energia mais alto.

Outro motivo que influencia o custo da energia é a diminuição do volume de chuvas, com a chegada da estação seca.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger