O Conselho das Entidades de Joinville emitiu um comunicado defendendo as orientações e os decretos em vigor na cidade para o combate à Covid-19.

Conforme a nota, essas ações "têm demonstrado o esforço dos gestores públicos", conciliando "a defesa da saúde, das vidas e também da economia e dos empregos".

As entidades ressaltam que, desde o início da pandemia, estiveram à frente de iniciativas para
contribuir no combate à doença.

De acordo com o conselho, já no princípio da crise foram adotados protocolos que seguem as mais rigorosas normas internacionais de prevenção ao coronavírus nos ambientes empresariais.

Paralelamente, "houve articulações e doações para reforçar as condições de atendimento às pessoas na rede pública de saúde". Ademais, há campanhas de conscientização para que os colaboradores respeitem orientações contra aglomerações nos momentos de folga.

Combate sem medidas extremadas

Ainda segundo o comunicado, a gestão municipal tem mostrado "que é possível adotar diferentes alternativas de restrição de circulação para mitigar o contágio pelo novo coronavírus sem precisar impor medidas extremadas".

Por fim, a nota reforça que o momento exige conciliação e que, para superar a crise, entidades, organizações e cidadãos devem seguir os protocolos de segurança na atividade empresarial e na vida familiar.

O conselho

O conselho é formado pela CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas), Ajorpeme (Associação de Joinville e Região de Pequenas, Micro e Médias Empresas), ACIJ (Associação Empresarial de Joinville) e Acomac (Associação dos Comerciantes de Material de Construção).

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul