Os cinco conselheiros tutelares eleitos em Jaraguá do Sul e região tomarão posse amanhã, às 18h, e irão atuar até 2020 no município. A equipe é a primeira a ser eleita pela população por meio do voto direto. Antes, todos os profissionais eram escolhidos por indicação política. As eleições foram realizadas em outubro do ano passado e contaram com 33 candidatos e o voto de 5.054 pessoas na cidade. Na microrregião, 8.676 pessoas participaram da escolha. De acordo com a secretária executiva do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Maria Elisabeth Borba, o processo eleitoral e a posse dos conselheiros são unificados e ocorrem simultaneamente em todo o território nacional. Por lei, os municípios brasileiros devem possuir um conselho tutelar com cinco membros para cada 100 mil habitantes, sendo de responsabilidade do órgão zelar pelo cumprimento dos direitos da criança e do adolescente estipulados pelo Estatuto da Criança e do Adolescente. Mesmo com um dos Índices de Desenvolvimento Humano mais altos do Estado (8,803), em Jaraguá do Sul são realizados 15 novos atendimentos por dia, segundo o conselheiro tutelar reeleito, Errol Zimmermann. “Um dos nossos maiores problemas é a evasão escolar, que é muito grande, especialmente no segundo grau”, detalha. Para lidar com esse e outros problemas, o Conselho realiza um trabalho de avaliação junto aos órgãos públicos que integram a rede, de maneira a aumentar a eficiência dos atendimentos e verificar a demanda. “De agora em diante iremos partir para uma linha mais forte de fiscalização desses órgãos, acompanhando os atendimentos e a demanda reprimida”, explica ele. A atuação do Conselho envolve aspectos sociais, educacionais e de saúde, voltado para crianças e jovens até 18 anos de idade. Conforme Zimmermann, ao contrário do que muitos pensam, o Conselho Tutelar é um órgão de proteção e não de punição. “Estamos protegendo crianças e adolescentes de todas as formas de negligência, em todos os lugares. O objetivo é sempre ajudar, orientar e encaminhar”, define. “Infelizmente os casos de negligência ainda são muito velados, mas tudo aquilo que vemos pelo país também existe aqui. É muito gratificante pensar que estamos ajudando essas pessoas indefesas”, diz ele. Conselho Tutelar de Jaraguá do Sul Conselheiros eleitos • Vane Maria Dorneles Duarte - 445 votos • Aparecida Venceslau David - 402 votos • Krislaine Bona - 370 votos • Keila Cristina De Moura Macalli - 367 votos • Errol Zimmermann - 296 votos Suplentes • Onélia Neumann - 272 votos • Janete Maria Pedrotti - 255 votos • Einstein Randal Pereira Gomes - 235 votos • Edson Pedro Piotto - 222 votos • Marlete Feder - 201 votos Fonte: Conselho Municipal dos Direitosda Criança e do Adolescente