A Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina confirmou, nesta quinta-feira (28), o primeiro caso de morte por febre amarela em Santa Catarina. O caso foi registrado em Joinville, no dia 12 de março e o paciente tinha 36 anos. A Fundação Oswaldo Cruz confirmou a informação após liberação dos resultados de exames realizados no paciente. ´

O paciente joinvilense é o primeiro caso autóctone com morte registrado em Santa Catarina, que acontece quando a doença foi contraída no próprio município onde ocorreu a morte. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, não havia registro de casos de febre amarela em seres humanos desde 1966 em Santa Catarina.

A Vigilância Epidemiológica do Estado estará na cidade na próxima semana realizando coleta de vetores e o município deverá realizar ação de vacinação em todas as casas da região provável de infecção. Todas as residências em um raio de 300 metros serão visitadas.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?