Recentemente, o surto de febre amarela em todo o país tem gerado preocupação na comunidade como um todo. A doença, causada por vírus e transmitida principalmente por mosquitos, é considerada grave e pode levar à morte se não identificada previamente. As primeiras manifestações da doença são febre alta, calafrios, dores de cabeça, náuseas e vômitos. Em Schroeder, a vacina é aplicada somente na Unidade de Saúde do Centro, toda terça e quinta-feira, das 9h às 11h30 e das 13h às 15h. “As doses são fracionadas e após abertas têm validade de apenas seis horas”, explica a técnica em enfermagem Lucia Kersten Brumuller. Para os pacientes que forem viajar para áreas onde a vacina é recomendada, a vacina deve ser feita com no mínimo dez dias de antecedência. A vacina contra febre amarela é contra indicada para crianças menores de nove meses, gestantes e mães amamentando crianças de até seis meses, pacientes que realizam tratamentos com corticoides, quimioterapia ou radioterapia, pessoas alérgicas a ovo ou gelatina. Para pacientes com mais de 60 anos ou portadores de HIV a vacina deverá ser autorizada por um médico.