Trabalho de limpeza de valas foi iniciado na manhã desta segunda (18) | Foto PMF/Divulgação
Trabalho de limpeza de valas foi iniciado na manhã desta segunda (18) | Foto PMF/Divulgação

A segunda-feira (18) foi de limpeza para funcionários da prefeitura de Florianópolis em vários pontos da Capital. As chuvas intensas desdes o domingo (17), que provocaram a precipitação de quase 200mm em toda a região, deixaram rastros de destruição em casas e escola, além de alagamentos em vários pontos da cidade.

No Córrego Grande, a Escola Básica Municipal João Alfredo Rohr ficou alagada, inviabilizando as aulas nesta segunda-feira. Apesar de a prefeitura ter iniciado a limpeza às seis horas da manhã, inclusive com a atuação de um caminhão hidrojato, não foi possível usar as salas de aulas e os alunos foram dispensados.

Caminhão hidrojato fez sucção de água da chuva na escola no Córrego Grande | Foto PMF/Divulgação

Pais e professores reclamaram que estes alagamentos são constantes na unidades escolar. O secretário de Educação, Mauricio Fernandes Pereira responde afirmando que as falhas originais no projeto de recuperação da escola provocam estes problemas. O fato é que à tarde será verificada também a situação do sistema drenagem da unidade.

Aulas foram suspensas na Escola Municipal Padre João Alfredo Rohr, no Córrego Grande | Foto PMF/Divulgação

Conforme a Secretaria de Educação, a escola está liberada para retomada das  aulas já nesta terça-feira. As outras 35 escolas da rede municipal de ensino, assim como os 78 núcleos de educação infantil estão funcionando nesta segunda-feira.

Limpeza em valas

Os funcionários da prefeitura também efetuaram limpezas em valas que não deram vazão à água no domingo e provocaram alagamentos. No João Paulo, o lixo jogado na vala provocaram os problemas. Uma retroescavadeira iniciou o processo de limpeza já pela manhã.

Lixo acumulado na vala impediu vazão da água no João Paulo | Foto PMF/Divulgação

No Saco Grande, a Defesa Civil interditou uma área onde um muro desabou sobre uma casa. Não houve feridos. O prefeito Gean Loureiro conferiu a destruição e acompanhou os trabalhos da remoção dos escombros.

Prefeito vistoriou trabalhos em casa no Saco Grande | Foto PMF/Divulgação

No final da manhã, a chuva diminuiu de intensidade, embora a previsão seja de que a instabilidade siga até o meio da tarde.

Rodovia Baldicero Filomeno, no Ribarão da Ilha, teve trabalho de limpeza | Foto PMF/Divulgação

Quer receber as notícias no WhatsApp?