Central de Regulação e Internação controla mais de 1,8 mil leitos hospitalares

Central de Regulação e Internação controla mais de 1,8 mil leitos hospitalares Central de Regulação e Internação controla mais de 1,8 mil leitos hospitalares

Cotidiano

Por: Windson Prado

sexta-feira, 11:25 - 09/02/2018

Windson Prado
Implantada em 2013, a Central de Regulação e Internação da Macrorregião Nordeste e Planalto Norte é responsável por gerir pacientes em estado de urgência e emergência, a fim de atender a elevada demanda por UTIs (Unidade de Tratamento Intensivo). Com sede na 23ª Gerência Estadual de Saúde, atende aos 26 municípios integrantes das ADRs (Agências de Desenvolvimento Regional) de Joinville, Jaraguá do Sul, Mafra e Canoinhas. No total, controla 164 UTIs e 1,8 mil leitos hospitalares convencionados com o SUS (Sistema Único de Saúde). Pioneira em Santa Catarina, depois de seu surgimento, mais sete centrais foram implantadas no Estado. As equipes são compostas por médicos e operadores, responsáveis pelos atendimentos dos pedidos por telefone. Por meio do Sistema de Regulação (Sisreg), a disponibilidade de leitos é verificada. “A gestão dos leitos fez com que nós conseguíssemos atender melhor a comunidade, porque o que foi pactuado com o SUS tem prioridade absoluta para atender ao paciente que usa o sistema público de saúde”, explica Henrique Deckmann, gerente de saúde da 23ª Gerência Estadual de Saúde. A central, que funciona 24 horas por dia, atinge um contingente populacional de 1,4 milhão de habitantes. Em Joinville, os leitos de regulados são do Hospital Regional Hans Dieter Schmidt, da Maternidade Darcy Vargas, do Hospital Infantil Jeser Amarante Faria Hospital Municipal São José. “A regulação dos leitos beneficia não só as unidades, como também a população. Reduzir filas contribui para uma maior facilidade ao acesso em casos urgentes e emergenciais”, afirma Eleonora Bahr Pessôa, gerente da Central de Regulação e Internação. *Com informações da Assessoria de Imprensa a ADR Joinville
×