Pensando em minimizar eventuais perdas escolares para as crianças dos 35 Centros de Educação Infantil (CEI) da Associação Feminina de Assistência Social de Criciúma (Afasc), a equipe do Departamento de Educação Infantil (DEI), juntamente com professores e equipe diretiva, está seguindo o Parecer nº 09/2020 do Conselho Nacional de Educação, e irá disponibilizar, a partir do mês de setembro, sugestões de atividades para todas as faixas etárias atendidas pela instituição.

As ações estão sendo organizadas por professoras e diretoras, que têm se reunido por grupos, nas creches.

Para facilitar o entendimento das ações, o Departamento de Educação, por meio das orientadoras, preparou um "Guia de Vivências Pedagógicas", sendo uma coletânea de atividades diversificadas, que serão elaboradas pelas professoras, com propostas que promovam a exploração, imaginação, expressão, movimento e descoberta.

De acordo com a coordenadora do DEI, Andreza Dagostim, essa ação vai permitir que as creches desenvolvam materiais de orientação para as famílias com atividades educativas, ao mesmo tempo em que estreita os vínculos afetivos com familiares e crianças nesse momento de isolamento social.

"Nossas profissionais estarão entregando atividades educativas de caráter eminentemente lúdico, recreativo e interativo, para que as famílias realizem em casa com as crianças, garantindo assim atendimento essencial às crianças pequenas, evitando assim retrocessos cognitivos, corporais e socioemocionais. As creches da Afasc, mesmo que de forma remota, hoje já promovem aprendizagens por meio dos vídeos disponibilizados nas nossas redes sociais, agora estamos ampliando esse leque de possibilidades", ressalta.

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul