No próximo dia 18, nove estudantes catarinenses embarcam para Kazan, na Rússia, para participar da WorldSkills Competition, torneio mundial de educação profissional. São sete estudantes do Senai/SC - três de Blumenau, dois de Florianópolis, um de Palhoça e um de São Bento do Sul - e dois do Senac/SC - um de Rio do Sul e um de Tubarão.

Eles se unem a outros 54 jovens que representarão o país na competição, na qual precisam demonstrar competências e habilidades em atividades típicas de cada profissão. A delegação brasileira, que possui estudantes de 12 estados, é uma das favoritas na disputa.

O Brasil foi campeão em 2015, quando o torneio ocorreu em São Paulo (SP). Dois anos depois, o país manteve-se no pódio, em segundo lugar, na competição realizada em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.

Na última edição, os brasileiros conquistaram medalhas de ouro em Mecatrônica, Eletricidade Industrial, Manufatura Integrada, Tornearia CNC, Automação, Escultura em Pedra e Tecnologia de Mídia Impressa, além de medalhas de prata, bronze e certificados de excelência.

Quer receber as notícias no WhatsApp?