Um encontro recheado de informações, emoção, reconhecimentos, celebrações e, principalmente, conscientização está sendo preparado pela Casa Guido para marcar o mês de conscientização sobre o câncer infantojuvenil, o Setembro Dourado.

Marcado para o dia 28 deste mês e aberto para toda a comunidade de forma gratuita, o evento chamado de 1ª Noite Dourada marca uma série de ações realizadas pela instituição em prol da luta pelo diagnóstico precoce da doença em crianças e adolescentes.

A ação vem sendo preparada há meses por uma comissão dedicada a oferecer um evento atrativo e efetivo para o objetivo de conscientizar.

A ideia, conforme o presidente da Casa Guido, Rogério Campos, é reunir aproximadamente 500 pessoas de diferentes segmentos para que entendam mais de perto o trabalho da Casa, fiquem informados sobre as novidades promovidas pela instituição e sejam novos disseminadores da importância do diagnóstico precoce.

"Estamos equilibrando todas as atrações para que seja uma noite muito agradável, de encontros e reencontros e que sirva para que as pessoas abracem ainda mais a nossa causa. Temos certeza de que quem estiver lá conosco não irá se arrepender", garante.

A 1ª Noite Dourada, evento que promete fazer parte do calendário anual da instituição daqui em diante, terá recepção com Mistura Fina Jazz Trio, lançamento de nova revista institucional da Casa, apresentação da nova campanha de conscientização, além da importante divulgação dos resultados obtidos com a pesquisa de mapeamento estatístico dos pacientes ao longo de toda a história da instituição e uma palestra show com o casal Elis Brun e Marcos Martins.

"Esse casal tem uma palestra linda e muito envolvente chamada Cinquenta e Um Dias, na qual contam, de forma inspiradora, sobre o diagnóstico de câncer que tiveram com o filho recém-nascido. Vale a pena assistir a essas atrações, todas muito especiais", destaca a colaborada responsável pelo evento, Viviane Hofman Garcia.

Para participar basta fazer a inscrição no sitehttps://www.sympla.com.br/evento/guido-setembro-dourado/1686578. Como forma de colaboração, a instituição convida os participantes a, no dia do evento, doarem um quilo de alimento não perecível ou fazerem a compra simbólica de alimentos no local por meio da doação do valor de R$ 5. Todo o montante arrecadado será destinado aos pacientes atendidos pela Casa Guido.

"Esperamos encontrar lá toda a comunidade. Desde aqueles que já conhecem e colaboram com a causa até quem ainda não teve nenhum contato com a instituição. Acadêmicos, jovens, pais, avós, padrinhos, professores, profissionais da saúde, do poder público e privado. Esse assunto diz respeito a todos e só unindo forças é que conseguiremos fazer a diferença, conscientizando, alertando e diagnosticando cada vez mais cedo. Isso significa cura e vida", acrescenta Rogério.