“A carne brasileira não é fraca. A carne brasileira é a melhor do mundo”, disse o presidente Michel Temer nesta sexta-feira, durante cerimônia de entrega de 1,3 mil unidades habitacionais do Programa Minha Casa, Minha Vida em São José do Rio Preto, São Paulo. A declaração foi dada minutos antes de receber a informação de que Hong Kong decidiu retirar do mercado toda a carne importada brasileira. E é mais uma tentativa de estancar a onda negativa que atingiu o mercado internacional depois que a Polícia Federal divulgou série de irregularidades na produção e beneficiamento da carne brasileira apurada na Operação Carne Fraca. - Leia mais: Carne Fraca: Hong Kong decide retirar do mercado toda a carne importada do Brasil Leia mais: Carne Fraca: “Que sirva para que nos tornemos mais exigentes como consumidores” Leia mais: Carne Fraca: Funcionários da Peccin Agro Industrial saem em defesa da empresa e de seus empregos - Temer considera que sua equipe tem obtido resultados satisfatórios no sentido de “estancar” a possibilidade de outros países proibirem a compra do produto. Segundo ele, a situação já está sendo revertida graças à atuação dos ministros das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira, e da Agricultura, Blairo Maggi. “Ele [Aloysio Nunes] logo pegou a Operação Carne Fraca sabendo que nossa carne é forte e trabalhou com o Maggi para estancar essa possibilidade eventual de restrição à compra da carne brasileira, um dos grandes mercados que temos, vendida para 150 países”, disse o presidente. Ele também comemorou o fato de a Coreia do Sul voltar atrás e autorizar a compra da carne brasileira. Com informações da Agência Brasil