Há menos de duas semanas para as eleições, que tem o primeiro turno em 2 de outubro, as entidades de Blumenau e região reforçam a importância de aumentar a representatividade local no Legislativo. Para isso, a Acib, Ampe Blumenau, CDL Blumenau e Intersindical, estão promovendo a campanha “Voto no Vale é Voto que Vale Mais”.
O objetivo da ação é conscientizar a população da importância no voto em quem é da região e fazer com que as demandas locais sejam atendidas, seja por meio de repasse de recursos, ações ou legislações. A campanha conta com outdoors espalhados por Blumenau e região contendo o slogan da ação, propaganda nas rádios locais e publicações nas redes sociais.
Os outdoors contêm um QR Code, que direciona para um site com o nome, o partido e o número de todos os candidatos a deputado estadual e federal das cidades participantes da ação. No total, são 41 postulantes à Assembleia Legislativa e 21 à Câmara de Deputados. Confira em www.candidatosdovale.com.br.

Entidades
Nos últimos anos, Blumenau e região enfrentaram dificuldades na obtenção de recursos e ações destinadas a localidade em virtude da falta de representatividade política nas câmaras estadual e federal. Em 2018, o Vale do Itajaí alcançou pouca representação, elegendo apenas quatro deputados estaduais e um federal.
Os presidentes das entidades que estão promovendo a campanha “Voto no Vale é Voto que Vale Mais” reforçam a importância de aumentar a representatividade.
“Precisamos de políticos que vivenciam e entendem a nossa realidade e assim se comprometam em atender e resolver nossas demandas. Não podemos deixar passar a oportunidade de aumentar nossa representatividade e melhorar nossa região”, afirma Eduardo Soares, presidente da CDL Blumenau.
Para o presidente da Acib, Renato Medeiros, a meta da campanha é conscientizar a população da importância no voto em quem é da região e conseguir mais representatividade no Legislativo. "São dois grandes desafios, que a população vote, não desperdiçando o seu poder, e que escolha quem é daqui”, finaliza Medeiros.
O presidente da Ampe, Pedro Gilmar Funk, lembra que, quando ocorrem emendas parlamentares ou subvenções, os parlamentares podem determinar para onde e para o que podem ser utilizadas. “Sem dúvidas, o político direcionará a verba para seu reduto eleitoral, por isso, esse é um dos propósitos de votar em candidatos da nossa região. Além disso, quando é necessário a resolução de questão coletiva, força política, pensamos em pessoas conhecidas que possam colaborar, mais um motivo para, no nosso caso, votar em quem é do Vale”, afirma Funk.

Para o coordenadro da Intersindical, Dieter Claus Pfuetzenreiter, já faz muito tempo que Blumenau e região não têm representatividade política expressiva e resultados, tanto na esfera estadual como federal. “Deixamos de receber recursos por conta desta situação e o movimento vem para concientizar a população para mudar esta situação. O Vale do Itajaí precisa dos votos da população da região”, aponta Pfuetzenreiter.

Receba as notícias de Blumenau e região pelo WhatsApp clicando aqui.