Mais de 17 mil crianças e adolescentes receberam doses de diversas vacinas e tiveram suas carteiras de vacinação analisadas pelos profissionais das Unidades Básica de Saúde (UBS's) de Criciúma. A ação fez parte da Campanha de Multivacinação, promovida pela Secretaria Municipal de Saúde, em outubro e novembro deste ano.

A iniciativa encerrou na última sexta-feira.

"Nós alcançamos um resultado bem positivo. Conseguimos verificar a carteira de vacinação de recém-nascidos até adolescentes de 15 anos e garantir a eles todas as vacinas asseguradas pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA)", comentou a técnica em enfermagem e responsável pelo setor de imunização da prefeitura, Kelli Barp Zanette.

A campanha da Poliomielite também obteve um bom saldo, segundo Kelli. A ação atingiu 94,83% de cobertura, ou seja, 9.630 crianças menores de cinco anos imunizadas. A meta era 95%, no entanto, conforme explica, o resultado pode ter sido alcançado.

"O Ministério da Saúde deu um prazo até o dia 30 deste mês para avaliarmos todos os dados. Portanto, nesta semana, vamos avaliar, corrigir e verificar, porque algum atendimento pode não ter sido registrado".

Trabalho intensificado para imunizar

A Secretaria Municipal de Saúde promoveu dois dias 'D' e ações na praça e nas unidades de saúde. No dia do Funcionário Público, 28 de outubro, prestou orientações à população e realizou iniciativas na Praça Nereu Ramos.

Vacina recente à disposição

Em fevereiro, foi implantada a vacina da meningite ACWY em Criciúma.

"Muitos pais não tinham conhecimento dela. Recentemente houve aumento na procura. Em outubro, tivemos que solicitar mais doses, porque o estoque tinha acabado", contou Kelli.

A vacina é destinada para adolescentes entre 11 e 12 anos.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp