A Secretaria de Educação de Florianópolis, em parceria com o 1º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar, fará um exercício chamado de Plano de Abandono em Área Escolar (PAAE), simulando um possível sinistro, um “princípio de incêndio” que possa vir a ocorrer nas unidades de ensino. A ação será na Escola Básica Municipal João Gonçalves Pinheiro, no Rio Tavares, e se dará em comemoração ao aniversário do Corpo de Bombeiros.

Às 8h10 e às 13h30 desta quarta-feira (03) será tocado o alarme de emergências, fazendo com que aproximadamente 600 pessoas realizem a saída controlada, organizada e segura da edificação.

Todos serão conduzidos por profissionais da unidade com auxílio dos bombeiros mirins do estabelecimento de ensino para um local definido antecipadamente.

Durante o processo de evacuação do prédio, também será ligado para a emergência, em especial aos Bombeiros. Eles já estão previamente comunicados, pois participaram do planejamento das atividades e da capacitação das crianças do projeto Bombeiro Mirim.

Simulado vai preparar crianças e os profissionais para agir em situações de emergência | Foto PMF/Divulgação

As viaturas serão encaminhadas e virão profissionais para auxiliar neste processo didático, pedagógico e preventivo. Ao final do exercício, todos farão uma avaliação coletiva.

Segundo o Capitão Arthur Eugênio da Silveira Júnior, do 1º Batalhão de Bombeiros Militar, essa é mais uma das diversas ações educativas que ocorrem na Capital em comemoração à Semana de Prevenção e Alerta Vermelho.

A Escola João Gonçalves Pinheiro é uma das unidades que recebe treinamento desde o início do ano. Os estudantes aprendem na prática a agir frente a possíveis adversidades, como incêndios, vazamentos, assaltos, enxame de abelhas, vazamento de gás, entre outros possíveis sinistros.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito: 

WhatsApp  

Telegram  

Facebook Messenger