Desde maio de 2016, os Bombeiros Voluntários de Guaramirim realizam uma campanha solicitando ajuda financeira no município. De casa em casa, representantes da corporação de Guaramirim pedem que a comunidade colabore por meio da conta de energia elétrica. Em nota divulgada nesta sexta-feira (25), algumas dúvidas sobre a campanha são esclarecidas. "O comunicado é somente para avisar que as pessoas podem receber tranquilamente os representantes que se estiverem fardados. Alguns moradores estavam estranhando as pessoas que fazem as visitas", disse o comandante Maicon Rodrigo Ewald. A nota dos bombeiros esclarece que a pessoa que vai de casa em casa representar os Bombeiros Voluntários de Guaramirim na campanha apresenta-se fardada e conduzindo um veículo da corporação (de fácil identificação, pois os veículos são adesivados). A corporação também não recolhe dinheiro nas solicitações. "A contribuição solicitada é por meio de preenchimento de um formulário específico, que é assinado pelo contribuinte com o valor da contribuição. Esse valor é repassado posteriormente pela Celesc para a corporação. O valor é de escolha do contribuinte", diz a nota. "Qualquer solicitação de ajuda financeira onde o solicitante não esteja usando a farda dos Bombeiros Voluntários de Guaramirim, que não esteja utilizando um veículo da corporação, ou esteja recolhendo dinheiro, não tem ligação com a campanha dos Bombeiros Voluntários de Guaramirim", explica a nota. Se ainda assim restar alguma dúvida referente à idoneidade da pessoa que esteja fazendo a solicitação, a corporação pede que o morador ligue para o telefone 3373-0100 para que sejam feitos os esclarecimentos.