Força-tarefa da Prefeitura Municipal de Florianópolis (PMF) e da Casan fiscalizou, nesta semana, dezenas de imóveis em Ponta das Canas que não agendaram, após repetidos comunicados, inspeção com o Floripa Se Liga Na Rede para verificar se as suas ligações de esgoto estão regulares ou não. A ação resultou em multas, lacres, notificações e intimações para que proprietários marquem a vistoria do programa.

Dentre os locais flagrados em irregularidade, uma oficina com lavação de carros na Avenida Luiz Boiteux Piazza foi multada pela Floram, na terça-feira (4), por lançar o conteúdo da caixa coletora de óleo diretamente na rede pluvial.

No mesmo dia e na mesma avenida, a principal de Ponta das Canas, uma casa em condomínio fechado tinha uma caixa de passagem de esgoto com desvio para a drenagem. A Floram deu prazo de quinze dias para regularização, do contrário o dono será multado.

Na segunda-feira (3), a força-tarefa fiscalizou uma casa na Servidão Dona Joana que não estava conectada à rede coletora. Além de multa da Vigilância Sanitária, o imóvel sofrerá dois lacres de tubulações clandestinas. Na Servidão Anhatomirim, o proprietário de uma casa com esgoto de tanque, máquina de lavar e pia da churrasqueira infiltrando no próprio terreno foi notificado pela Vigilância e tem uma semana para corrigir as inadequações e ligar-se à rede.

A operação faz parte de plano estratégico de fiscalização no bairro do Norte da Ilha, sobretudo na região próxima à Lagoa das Docas, em resposta a sentença judicial em ação civil pública do Ministério Público Federal em Santa Catarina (MPF-SC).

 

A Vigilância Sanitária já emitiu cerca de 350 autos de intimação contra imóveis irregulares ou que ainda não foram inspecionados em Ponta das Canas.

Continente

No último dia de fiscalização, quarta-feira (5), a Blitz Sanear foi ao bairro Coloninha, no Continente, com operação na Rua Maria Claudino da Cruz. Sete casas fiscalizadas têm esgoto conectado em tubulação de pluvial nos fundos da rua – não há rede ativa no trecho em questão –, em terreno da PMF. Todas serão notificadas pela Vigilância Sanitária para que regularizem o sistema.

 

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp